Jugo suave e fardo leve? Como assim?

Então quer dizer que a vida com Jesus vai ser mil maravilhas?

Por Arlan Dantas
Categoria: Reflexões

Há pouco tempo, estive em um estudo bíblico onde, no meio da discussão, fiz a seguinte pergunta: "Em que momento foi falado que a vida com Jesus seria só maravilhas e que a caminhada com Ele seria só coisa boa?", esperei por alguns segundos e todos fizeram aquela cara de: "É... realmente..." e eu ia continuar o meu discurso quando fui interrompido pela afirmação: "Na verdade, fala sim! Fala: 'Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve'!". Assim que ouvi isso fiquei algum tempo pensando mas não me vinha a cabeça a forma de explicar a diferença entre os raciocínios. Pouco tempo depois do acontecido, me veio uma explicação para isso e procurarei expô-la nesse pequeno texto.

Não lembro ao certo a discussão que nos levou a esse ponto, mas lembro-me que estávamos falando algo sobre dificuldades de renunciar as nossas vontades e seguir a Cristo quando fiz a pergunta sobre em qual parte da bíblia diz que a caminhada com Cristo seria fácil, o texto citado como resposta foi o seguinte:

Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomais sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. Porque meu jugo é suave, e o meu fardo é leve.

Mateus 11:28-30

O versículo 30 é muito utilizado em momentos de apelo, com o discurso de que se a pessoa aceitar Cristo a vida vai ser mais fácil, que os problemas serão resolvidos e etc. Mas se observarmos o contexto no qual o versículo está sendo proferido, veremos que o jugo suave e o fardo leve referidos por Cristo, se refere à obediência à lei mosaica.

Antes de Cristo vir, os judeus estavam debaixo da lei, tinham que obedecer linha a linha dos mandamentos que haviam sido feitos no tempo dos profetas, e, além disso, com medo de desobedecer aos mandamentos, os próprios judeus criavam outras leis para "auxiliar" na obediência às leis anteriores, como era o caso dos mandamentos sobre o sábado, Deus havia deixado a ordenança de que o sábado deveria ser para descanso, para evitar de desobedecer tais regras, os líderes judeus estabeleceram regras para ajudar o povo a atender essa regra já deixada, eles estabeleciam distância que poderia ser caminhada aos sábados, peso que poderia ser carregado e coisas desse tipo.

Como já é de nosso conhecimento, Cristo veio à terra para dar início a uma nova era, um novo tempo, estabelecer conosco uma nova aliança, e é sobre isso que ele trata nesses três versículos.

"[...] cansados e sobrecarregados [...]": O povo estava cansado de carregar a culpa pelos seus pecados e terem que se preocupar com cada mandamento que já havia sido estabelecido, Cristo veio para perdoar os nossos pecados, Ele nos alivia dessa cansaço e da sobrecarga da lei.

"[...] aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração [...]": Quando entendemos realmente a motivação pela qual Jesus agia daquela forma e passamos a seguir os seus ensinamentos, vemos o quão simples é obedecer os mandamentos que haviam sido deixados pelos profetas e assim encontramos descanso para nossa alma.

Tendo compreendido a mensagem passada nos versículos anteriores, fica-nos mais simples entender o que Jesus trata no v. 30: "Porque meu jugo é suave, e o meu fardo é leve". "Jugo" é uma palavra pouco usada por nós atualmente, mas se refere a uma peça de madeira utilizada para atrelar bois à carroça, logo, se refere a carga, assim como também "fardo", uma palavra um pouco mais comum em nossos dias e que se refere, basicamente, a um pacote, geralmente grande, como é o caso de "um fardo de feijão", "fardo de arroz" e etc. Ou seja, Jesus está convidando aquelas pessoas a seguirem-no pois o peso que seria atribuído por Ele a elas seria bem menos que aquele que estava sendo atribuído pela Lei, visto que os nossos pecados são colocados sobre Ele no momento da sua morte na cruz.

Ao longo de todo o Novo Testamento, somos alertados de que durante a caminhada com Cristo seremos alvo de grandes tribulações e perseguições, mas além das dificuldades que nos afligem durante nossa caminhada aqui na terra por sermos seguidores de Cristo, isso não nos é sinônimo de sofrimento ou tristeza (que são resultados do carregamento de fardos pesados), mas sim de alegria, pois vivemos com base na esperança de que um dia Ele voltará para nos buscar e estaremos com Ele no céu cantando "Santo, Santo, Santo", é isso que deixa o nosso fardo mais leve e faz com que estejamos sob um jugo suave, a fé e a esperança no amanhã!

Fale conosco. Hospedado pela Brasil Hospeda.