Uma formosura ilusória 

Por Gabriela Paulino
Categoria: Reflexões

Existe na bíblia uma mulher, cujo o significado de seu nome ´é “formosura” esta é a Safira, e hoje, vamos falar um pouco sobre ela e seu esposo o Ananias, e sobre a lição que suas vidas e escolhas trouxeram para nós. É visto, que a Safira foi com ressalto, a primeira mulher a ser destacada em Atos. Contudo em relação a Deus safira falhou e, ao fazer isso, ocasionou sua própria morte. Com o passar dos tempos seu nome não ficou mais à “formosura”, mas ao equivoco intencional.

Aparentemente, o casal Safira e Ananias, tinham uma união agradável e contribuíam entre si. Aliaram- se aos apóstolos, como seguidores de Jesus e integrantes da igreja primitiva de Jerusalém.  Porém, um grande e fatal erro de julgamento, foi cometido por Safira e Ananias. Eles uniram generosidade com cobiça.

Os integrantes da igreja de Jerusalém, pegaram suas propriedades venderam e doaram o valor das vendas aos apóstolos. Esse desapego ganhou admiração, e o valor ofertado foi, então, utilizado para ajudar aos necessitados. Porém ganancia e egoísmo invadiram o coração do casal. Negociaram suas propriedades, mas ofertaram apenas uma parte dos lucros.  E como se não fosse suficiente, logo mais em seguida, mentiram sobre o valor arrecadado pelas terras, com intenção de reterem parte do dinheiro, embora afirmassem ter ofertado todo o lucro à igreja. Com bastante discernimento, Pedro questionou e desafiou Ananias a respeito de sua duplicidade e pecado contra Deus. Revelado em mentira, Ananias, caiu instantaneamente morto.

Safira procurou Pedro, algumas horas depois. Ela também foi questionada a respeito do valor das terras. E a mesma confirmou o engano do marido, sem saber da morte dele. Pedro também a acusou de ter ofendido o Espírito de Deus, a comunicou sobre o falecimento do esposo, e após previu a morte imediata dela. Safira caiu iminentemente morta, sendo juntamente com o marido sepultada.

A morte de Safira e de Ananias atemorizou e assustou a pequena congregação. Deus mostrou à igreja de Jerusalém e ao casal que em seu relacionamento com os discípulos Ele não permite desonestidade. Por meio desta trágica história de Safira, “formosa” mulher, Deus continua a mostrar que o nosso relacionamento com Senhor deve está baseado além das promessas vazias e beleza externa, ou seja, na integridade de um compromisso sincero.

   “A chave para alcançar o autocontrole é entregar o controle do ‘eu’ ao governo do Espirito Santo. Rhonda H. Kelley”

 

Referências

Bíblia Sagrada

Fale conosco. Hospedado pela Brasil Hospeda.