Deus Vai Lhe Dar Mais do que Você Pode Suportar

O que dizer a alguém cuja vida está caindo aos pedaços? Nós podemos escolher a sabedoria popular ou as Escrituras.

Texto de Mitch Chase.
Traduzido por Kellvyn Mendes.
Categoria: Devocionais

Os cristãos podem fazer as mais estranhas afirmações quando estão confortando aqueles que estão sofrendo. O que dizer a alguém cuja vida está caindo aos pedaços? Se você tem alguns minutos preciosos com uma pessoa que perdeu um emprego, casa, cônjuge, filho, ou todo senso de propósito, qual conforto você dá?

Nós podemos nos virar para a sabedoria popular em vez das Escrituras, e acabar dizendo algo como: "Não se preocupe, isso não aconteceria em sua vida, se Deus não achasse que você pudesse suportar." A pessoa que está sofrendo talvez se oponha, balançando a cabeça e com as mãos para cima.' Mas você insiste, "Olha, é sério, a Bíblia promete que Deus nunca vai lhe dar mais do que você pode suportar, na sua vida." E aí está — sabedoria popular mascarada como verdade bíblica. Você prometeu algo que a Bíblia nunca prometeu.

Tentações Versus Provações

Em 1 Coríntios 10, o apóstolo Paulo escreve: "Não sobreveio a vocês tentação que não fosse comum aos homens. E Deus é fiel; ele não permitirá que vocês sejam tentados além do que podem suportar. Mas, quando forem tentados, ele lhes providenciará um escape, para que o possam suportar." Paulo está falando sobre algo específico: ele está escrevendo sobre "tentação", uma armadilha que tenta nos arrastar para o pecado. Usando uma metáfora, Deus advertiu Caim que "o pecado jaz à porta. Ele deseja conquistá-lo, mas você deve dominá-lo" (Gênesis 4:7). O pecado nos persegue, mas Deus é fiel. O pecado deseja nos vencer, mas há um misericordioso caminho de fuga. O pecado coloca a isca, mas para o crente — louvado seja Deus! — o pecado não é irresistível.

Agora, se as pessoas aplicam as palavras de Paulo sobre tentação para os sofrimentos em geral, você pode ver de onde a frase "Deus nunca vai lhe dar mais do que você pode suportar" vem. Não duvido da sinceridade e boas intenções daqueles que usam esta frase, mas sinceridade não é o suficiente. Mesmo os amigos de Jó tinham boas intenções.

Os Erros Gêmeos

Há pelo menos dois erros na noção antibíblica de "Deus nunca vai lhe dar mais do que você pode suportar." Primeiro, ela brinca com a virtude cultural de justiça. Segundo, ela aponta para dentro do doente em vez de apontar em direção a Deus.

1. Provações que são... Justas?

Se você dá a seus filhos caixas para colocar no carro, você faz avaliações visuais e do peso de cada caixa, que combinem com suas idades e força. Você não sobrecarrega os braços de seus filhos e os vê cair no chão com o material espalhado por toda parte. Isso seria injusto. O ditado "Deus nunca vai lhe dar mais do que você pode suportar" alcança um tom de justiça que nós instintivamente gostamos. Há algo agradável sobre a ideia de que a balança está em equilíbrio, de que Deus avaliou o que podemos manusear e, de acordo com esse julgamento, permite as provações.

Mas há um problema gritante com a "justiça" que sustenta esta sabedoria popular: Deus já foi injusto, porque ele não nos tratou como os nossos pecados merecem ser tratados. Ele foi longânimo, paciente, gracioso e abundante em amor. O sol brilha e a chuva cai mesmo sobre os injustos (Mateus 5:45). Deus transcende as categorias de justiça e injustiça a tal ponto, que não temos condições de avaliar suas ações ou ponderar a sua vontade. Seus caminhos não estão sujeitos à norma de justiça da nossa cultura.

2. O Poder... Interior?

O sofrimento não pergunta se você está pronto. Ele pode vir lentamente ou com uma vingança, mas ele não pede permissão, e ele não se preocupa com a conveniência. Nunca há um bom tempo em sua vida para ser destruído. Mas o ditado "Deus nunca vai lhe dar mais do que você pode suportar" me diz que eu tenho o que é necessário para suportar. Ele me diz que eu posso suportar o que quer que venha em meu caminho. Ele me diz que Deus permite provas de acordo com a minha capacidade de suportar. Pense sobre o que esta sabedoria popular faz: ela aponta para dentro das pessoas.

Contudo, a Bíblia nos aponta na direção de Deus Como o salmista diz: "Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na hora da angústia. Por isso não temeremos, embora a terra trema e os montes afundem no coração do mar, embora estrondem as suas águas turbulentas e os montes sejam sacudidos pela sua fúria"(Salmos 46:1-3). Quando a nossa força está falhando sob pesados fardos, a resposta não está dentro de nós. Deus dá força ao cansado e aumenta a força dos fracos (Isaías 40:29). O poder vem dele para os que esperam por ele.

Onde as Provas nos Levam

As provas vêm de todas as formas e tamanhos, mas elas não vêm para mostrar o quanto podemos suportar ou como nós somos bons. Sofrimentos terríveis virão ao nosso caminho porque nós vivemos em um mundo corrompido com pessoas corrompidas. E quando eles vêm, vamos ser claros com antecedência, nós não temos o que é necessário para enfrentá-los. Deus nos dará mais do que podemos suportar — mas não mais do que ele pode.

O salmista pergunta: " De onde me vem o socorro?" (Salmos 121:1), e temos de ser capazes de responder como ele. Nós devemos conhecer e crer, profundamente em nossos ossos, que "O meu socorro vem do Senhor, que fez o céu e a terra" (121:2). Quando as provações vêm, confie que a ajuda do Senhor virá. Esta notícia é útil para as pessoas que estão sofrendo, já que estamos dizendo algo verdadeiro a respeito de Deus, em vez de algo falso sobre nós mesmos.

Paulo lembrou um tempo em que Deus lhe deu mais do que ele podia suportar. Em uma carta aos Coríntios, ele escreveu: "Irmãos, não queremos que vocês desconheçam as tribulações que sofremos na província da Ásia, as quais foram muito além da capacidade de suportar, a ponto de perdermos a esperança da própria vida. "(2 Coríntios 1:8). Paulo e seus associados estiveram em circunstâncias que transcenderam suas forças de suportar: "De fato, já tínhamos sobre nós a sentença de morte" (1:9).

Em seguida, ele fornece uma visão crucial para seu desespero. Por que ele e seus companheiros receberam mais do que podiam suportar? "Para que não confiássemos em nós mesmos, mas em Deus, que ressuscita os mortos" (2 Coríntios 1:9). Deus vai lhe dar mais do que você pode suportar para que seu grande poder seja exibido em sua vida. De fato, um maior peso de glória ainda está por vir: "Pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória eterna sem comparação" (2 Coríntios 4:17).

Você talvez não considere os seus terríveis sofrimentos como "leves" e "momentâneos", mas pense nas suas provações em termos de um trilhão de anos a partir de agora. Às vezes no meio da aflição, a coisa mais difícil de se manter é uma visão eterna. Paulo não está tentando minimizar a sua aflição; ele está tentando maximizar sua perspectiva.

O sofrimento não recebe a última linha do script. Nesta vida, Deus vai lhe dar mais do que você pode suportar, mas o eminente peso de glória será maior do que você pode imaginar.

Referências

Por: Mitch Chase. © 2015 The Gospel Coalition. Original: http://www.thegospelcoalition.org/article/god-will-give-you-more-than-you-can-handle

Tradução: Kellvyn Mendes.

Mitch Chase (PhD, SBTS) é o pastor na Kosmosdale Baptist Church e professor adjunto da Boyce College, em Louisville, Kentucky. Ele é o autor do Behold Our Sovereign God (Eis nosso Deus Soberano - Tradução livre). Você pode segui-lo no Twitter.

 

Fale conosco. Hospedado pela Brasil Hospeda.